Vivendo no encontro de um loop da lembrança do basilar com a incoerência latente na nostalgia do póstero, “O Cume” sempre me pareceu uma música adereçada de um otimismo triste. Insuflar esperança vasculhando o passado pode ser tudo isso.
Na companhia do meu pal, Jorge Pandeirada (1/4 dos Cabaret Malícia).

___

Luis Formiga e Cabaret Malícia – O Cume (letra)

Quero conhecer as esquinas ao mundo
E a força com que sopram os seus ventos
A cor das flores e o cheiro das ruas
E no olhar dos homens os seus tormentos

E quando chegar ao cume da montanha e pensar que nada mais me resta
Olhar para trás
Lembrar que é subir que me satisfaz

Deixar a face perdoar o espelho
E a idade fazer as pazes com o corpo
Saber estar só antes de acompanhado
E se mesmo vencido, nunca derrotado

Abandonar a fadiga de tanto querer
E quando a curiosidade não for mais destino
Ser um com a terra, da qual bebem as raízes
E saber partir com sorriso de menino

E quando chegar ao cume da montanha e pensar que nada mais me resta
Olhar para trás
Lembrar que é subir que me satisfaz

Gravado ao vivo, sem edição, durante concerto com contornos muito peculiares a 1/10/2016 no Quartel das Artes Dr. Alípio Sol em Oliveira do Bairro pela Ds Way.

Podem seguir e ver mais trabalhos de Ds WAY em:
https://dsway.org
https://www.facebook.com/dsways2

Luís Formiga – voz, guitarra e harmónica
Bruno Pinho – guitarra eléctrica
Jorge Pandeirada – baixo e síntese
Micael Lourenço – bateria e percussões

Untitled

Tirou com uma fria deliberação outro cigarro da carteira e acendeu-o, desta vez, à primeira tentativa. Agitou o fósforo no ar com um floreado circular para o apagar. Encostou-se ao muro interrogando-se por que razão a presença delas a fazia sentir-se vagamente envergonhada quando dizia coisas nas quais acreditava.
Cruzou as pernas e apoiou o seu cotovelo no antebraço da amiga, para fumar como uma mulher.

2%

February 29, 2020

2%

Luís Formiga e Cabaret Malícia
#pakoforever, sem dúvida. 2% da semana. Os restantes, em casa, a ouvir a canção cansada.
https://www.instagram.com/luisformiga.cabaretmalicia/

quando o piso é mesmo mesmo escorregadio.

Dormi-o todo.

September 19, 2019

dormi-o todo. da @ann.riitz. #finishhim #booksandboobs #bookshelf

Sou um espírito infante, que carrega um cadáver.
Marco Aurélio.

Lagoa do congro

September 7, 2019

chuva, nevoeiro, chuviscos, névoa, uma aberta, foto, chuva, nevoeiro... foto da minha @ann.riitz . #azores #açores #lagoadocongro #traveler #portugal #saomiguel

chuva, nevoeiro, chuviscos, névoa, uma aberta, foto, chuva, nevoeiro.

luís formiga e cabaret malícia

foto gentilmente cedida pela Cristiana Graça.